Flores da Resistência

Flores e poema para o tromPETISTA Fabiano

 

Brasília - 12/06/2018

 

O tromPETISTA Fabiano em companhia do Anderson, que fez a entrega das flores e poema.lá em Brasília em nome do "Flores da Resistência". .Agradece e encerra sua fala tocando no trompete o "Olê, ol|ê, olê, olá, Lu-lá Lu-lá"........ Visite o seu facebook:  https://www.facebook.com/fabiano.duarte.355

O tromPETISTA Fabiano agradece em audio as flores e a poesia enviadas pelo Coletivo "Flores da Resistência" através do Anderson

Poema para o Fabiano - Monica declama
00:00 / 00:00

Ouviram do Ipiranga as margens pla.....

Ouviram?

Um trompete?

Notas sopradas voando soltas pelo ar...

Ouviram?

Ocupando as salas, os caminhos tortuosos dos corredores judiciários,

os labirintos dos tímpanos dos magistrados

por vezes tão insensíveis as vozes que clamam por humanidade.

Ouviram? 

Notas brincando onde não deveriam estar

Reverberando, ecoando....

Ouviram?.... Ouviram?....

Mi-sol-mi-sol-mi-sol-mi-do

Lula Lula

Respiremos este ar de notas impossíveis

Que se lançaram para além das cinco linhas da pauta

Se os golpistas ditarem a pauta agora já aprendemos a sair dela.

Sabemos que existem flores, notas e tromPETISTAS que sabem voar.

(Carlos Gaúcho)

Fabiano  no momento da entrega das flores com a audição do audio da poesia que o coletivo "Flores da Resistência" enviou para ele em homenagem à sua luta pelo "Lula Livre".

orquidea para o fabiano na casa dele
4
3
1

Flores que foram entregues ao tromPETISTA Fabiano e fotos dele com o Anderson, que entregou em nome do "Flores da Resistência"

Flores e poema para Maria Augusta Ramos

Cineasta do documentário "O processo" - 12/06/2018

4
1
2
5
3

Poema para Guta

Carta, flores e poema para Boaventura de Sousa Santos

18/05/2018 - Em Coimbra (Portugal)

Foi após esta aula dada pelo Boaventura de Sousa Santos que se entregou para ele a carta, as flores e o poema. Assista aqui a sua quarta Aula Magistral 2018 : “As cidades na encruzilhada entre a paz democrática e a exclusão abissal”. (Organização: Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra /Portugal - CES) - (Clique na setinha para ver em tela cheia)

CARTA, FLORES E POEMA PARA O SOCIÓLOGO PORTUGUÊS BOAVENTURA DE SOUSA SANTOS 

A Clô Bernal entrega em Coimbra (Portugal) em 18 de maio de 2018, em nome do "Flores da Resistência" e "Todxs na Rua", carta, flores e poema para o sociólogo português Boaventura de Sousa Santos. 

CARTA ENTREGUE AO BOAVENTURA DE SOUSA SANTOS JUNTAMENTE COM O POEMA E AS FLORES (Clique na setinha para ver em tela cheia)

boaventrura1
flores1
lula livre
boaventura3
boaventura2

Clique na foto maior para ver em tamanho maior ainda ou nas fotos em tamanho menor em baixo para vê-las no retângula maior acima.

BEM AVENTURADOS

Tudo se compra 

As instituições faliram

Ninguém me compra 

As instituições se desconfiguraram 

Tudo se vende

Elas se perderam

Eu não me vendo

Mas fiquei distraído 

E a rápida violência se impôs nesta terra onde nossos sonhos corriam soltos

Hoje luta

Resta-nos as flores e a primavera

Resta-nos a lua e as estrelas

Resta-nos muito

Resta-nos ficarmos juntos mãos dadas voz na estrada

Resta-nos a sua fala

Suas ideias seu pensamento

Resta-nos um infinito.